Google+ Followers

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Horizonte sombrio



Um mundo frio, assim, já se nos configura,

O homem-máquina lentamente desponta.

A mãe-natureza, torturada, se desmonta,

E o que é verdadeiro se traveste de loucura...


A nossa ciência do saber já se perdeu,

Desde o tempo em que a mente rebelou-se.

No novo tempo, todo mundo quer ser deus!

A fixar-se numa aparência que dissolve...


Esse é um tempo mto duro e de amargura,

Em que ninguém sabe ao certo aonde vai –

De que espécie você será no amanhã¿


Quando tudo soçobrar sem mente-sã,

Onde as famílias, já não existirão mais –

Q ser humano sobrará em terra escura¿¿



LJ - 05.10

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário. Muito Obrigado!
*Responderei o mesmo assim q possível*