Google+ Followers

domingo, 12 de outubro de 2008

Então, quem sou EU??


Eu sou o sonho da forma

Quem todos têm sonhado...

Sou a formação mutante que

Em todos tem andado...


Sem idade e sem substância

Sou aquele que ainda não é...

Pois o querer me faz criança –

Uma mente pueril que nada vê.


----------


Eu, você e tudo faz-se,

Não mais do que mera miragem.

Quimera num pó de serragem,

Q o Multi-verso agora varre...


Quiçá, para lá de toda troça,

Temos sido da forma o pesadelo.

Somos nós a agonia de um anelo;

O desejo de q o todo si refaça...


A beleza de hoje jaz sem graça;

É mais uma desgraça que beleza.

Eis então que a mente retrocede...


No espelho de novo ela se mede:

Se ela cede á verdade, natureza;

Ou morre da imagem que padece.



L. Janz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário. Muito Obrigado!
*Responderei o mesmo assim q possível*